O vôo das borboletas

Era uma vez um jardim que se sentia muito triste quando recebia visitas de pessoas que iriam jogar lixo ali e reclamar. O jardim não mais passava para as pessoas alegria. Multidões iam visitá-lo para vivenciar momentos de ternura e amor, mas o jardim não correspondia com a mesma expectativa. O desânimo tomou conta da vida do jardim. Ele sabia que lhe faltava alguma coisa, entretanto, não fazia nada para mudar o seu comportamento e muito menos o seu interior. As flores diziam para ele que era preciso uma mudança. Foi então que as borboletas que estavam ali sobrevoando falaram: Jardim, enquanto você não entender que o dom do AMOR é perdoar, as flores que vivem com você não mais exalarão perfume, as sabiás não mais pousaram para cantar e nós borboletas não mais iremos lhe visitar. Reflita e reconcilie-se com Deus. Recolha o lixo que é jogado inconscientemente mesmo que não seja seu. Saiba que o seu potencial de amor é poderoso, mas você tem que refletir e se reconciliar com Deus.
Faça sua parte, limpe seu coração e entregue seus problemas para Deus. Prepare-se para a mudança. O jardim se tornará mais bonito e amado por todos, principalmente pelas borboletas que ali pousam.

Reciclildo da Paz - Educador Ambiental e Mensageiro da Paz

Nenhum comentário:

1º EcoTeatro do Brasil